Política

Alerj declara Festa de São Benedito de Angra Patrimônio do RJ

Proposta da deputada Célia Jordão foi aprovada em segunda discussão e segue para o Governador Cláudio Castro

 

:A Alerj aprovou, nesta terça-feira (6/02), em segunda discussão, o projeto de lei 6417/2022, de autoria da deputada Célia Jordão (PL), que declara a Festa de São Benedito realizada em Angra dos Reis como Patrimônio Histórico, Cultural e Imaterial do Estado do Rio de Janeiro. Considerado o segundo padroeiro da cidade, depois de Nossa Senhora da Conceição, São Benedito possui milhares de fiéis em Angra dos Reis e seu dia é comemorado sempre na segunda-feira após o Domingo de Páscoa, quando é feriado municipal e realiza-se uma extensa programação religiosa. Agora, o texto segue para o Governador Cláudio Castro, que tem até 15 dias para sancioná-lo ou vetá-lo.

¨A Festa de São Benedito em Angra dos Reis completou 370 anos, em 2022, e já faz parte do calendário da cidade, reunindo milhares de fiéis que, todos os anos, saem às ruas em procissão para agradecer as graças alcançadas. A programação reúne, ainda, alvorada festiva, missas, almoço, feira com barraquinhas e uma série de outras atividades. Torná-la Patrimônio é uma forma de preservar a história e a cultura do povo fluminense, de fomentar o conhecimento e a prática religiosa¨, ressaltou a deputada.

Desde 2013, a Festa de São Benedito é realizada na Igreja Matriz da cidade, que reúne um rico acervo histórico, e conta com a cerimônia de subida e descida do mastro de São Benedito na presença de fiéis e devotos. A Festa teve origem em 1652 no Convento Franciscano de São Bernardino. A partir de 1928, passou a ser realizada na Igreja Matriz e, em 1985, foi realizada na Igreja do Carmo, não tendo mais um templo fixo para realização, voltando à Matriz somente em 2013.
[10:13, 07/02/2024] Gisele Macedo Alerj: Festa de São Benedito de Angra dos Reis
Créditos Edmar Tavares

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo