Destaque

Corpo encontrado na praia de Itaipuaçu pode ser de militar da Marinha desaparecido BNRJ

O Corpo de Bombeiros encontrou nesta segunda-feira (25), por volta de 13 horas, um corpo no mar da Praia de Itaipuaçu, em Maricá. Ainda, não foi confirmado, mas os bombeiros vão checar se o corpo pode ser do militar da Marinha Máyron Guimarães de Lima, de 26 anos, que desapareceu após cair no mar da Praia de Itacoatiara, em Niterói.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o acionamento foi feito às 13h05min. A aeronave foi deslocada para o local e removeu o corpo para o quartel do Grupamento Marítimo (GMar), no Rio. O corpo irá passar por exame de DNA para descobrir a identificação.

Militar desaparecido

Segundo familiares do marinheiro que despareceu na noite do dia 13 deste mês, ele estava com um grupo de amigos pescando em uma pedra da Praia de Itacoatiara, na Região Oceânica de Niterói. Máyron acabou caindo no mar no momento que jogou o anzol.

Desde então uma grande equipe do Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro e equipes da Marinha do Brasil realizam buscas para encontrar o jovem morador da cidade de São Gonçalo.

Jornal Litoral RJ

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo