DestaqueInternacional

Família precisa de R$ 99 mil para levar corpo de criança para o Brasil

O filho Thomás, de 4 anos, morto em um acidente depois do ano-novo

Um casal de Manaus, Amazonas, que vive numa vila perto de Coimbra, em Portugal, abriu uma vaquinha na internet para arrecadar 18 mil euros (R$ 99 mil) para levar o corpo do filho de 4 anos para o Brasil. O menino morreu na última quarta-feira (3/1), depois de sofrer um acidente de carro na virada do ano. A família havia saído de casa para realizar o sonho do pequeno Thomás de ver os fogos de artifícios, mas, na volta, o carro em que estavam foi atingido em cheio por outro veículo.

Os pais do menino, Renato e Kamyla, conseguiram se salvar. Thomás, no entanto, ficou em estado gravíssimo, foi levado para a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), mas não resistiu e teve morte cerebral três dias depois de internado. Os órgãos da criança foram doados. O jovem casal está devastado e quer enterrar o filho em Manaus. Mas só o translado do corpo custa 6 mil euros (R$ 33 mil) e as passagens para os pais, em torno de 12 mil euros (R$ 66 mil). Sem condições de bancar essa despesa, a família optou por pedir ajuda.

O Consulado do Brasil no Porto, responsável por toda a região de Coimbra, foi acionado pelos Centro Local de Apoio à Integração de Migrantes (Claim), mas não há previsão de recursos no orçamento do Itamaraty para esse tipo de gasto. O máximo que o consulado pode oferecer é apoio jurídico e emocional, com o acompanhamento de psicólogos. A expectativa dos pais de Thomás é de que as doações alcancem a quantia necessária o mais rapidamente possível. A dor da família só aumenta diante da incerteza sobre se será possível enterrar o corpo do menino em Manaus.

Quem quiser ajudar deve acessar o Instagram Kamyla,Karyny. As pessoas que moram em Portugal podem transferir qualquer quantia para a conta da mãe de Thomás pelo MB Way, que corresponde ao PIX do Brasil. O número é (+351) 960 109 749. Há um movimento nas redes sociais para que artistas e autoridades estendam as mãos à família neste momento terrível.

 

 

Correio Braziliense

 

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo