Entretenimento

Filme “A Jornada”, das produtoras CASTLLE e ALIVE MEDIA CONTENT, tem pré-estreia em setembro l Cinema l Banca de Noticias

Uma jornada promissora através dos telões. Que jovem imaginaria, de uma hora para outra se tornar um grande cineasta, e aos 17 anos, estrear seu primeiro filme longa – metragem em uma sala de cinema? Foi assim que aconteceu com João Vitor Castello, de apenas 17 anos, que irá estrear o filme “A Jornada” no próximo dia 03 de setembro, no cinema da Gávea, na Zona Sul do Rio de Janeiro. O filme conta a história de dois jovens amigos onde um deles está passando por problemas emocionais que acabam sendo uma porta de entrada para uma nova vida. Traz lições de vida através de dramas comuns, com abordagens e cenas de suspense, situações emocionais, de superação e ajuda,que colocam a vida e os sonhos dos amigos por um fio. Ele só têm um caminho. Uma chance através de uma longa jornada.

“O desafio se tornou uma grande experiência profissional. Foram longos dias, noites e madrugadas de gravações debaixo de sol e chuva, além de gravações no Rio e São Paulo, por estradas e até uma fazenda, que é onde a jornada começa a ser trilhada pelos protagonistas”, explica João, que contou com a participação de dublês para dar vida às cenas de ação e suspense com carros, motos e perseguição, além do trabalho de computação gráfica, composições digitais, imagens aéreas.

Jovem e ousado, João Vitor Castello assina como roteirista e diretor do longa, que tem no elenco 12 atores, figurantes e uma equipe técnica de quase 50 profissionais. E não demorou nada para que o ideal do rapaz se tornasse também o sonho dos pais, Adriana e Paulo Castello, donos de uma produtora no Recreio dos Bandeirantes, que embarcaram no desafio e produziram todo o longa de forma independente, com recursos financeiros, estrutura, equipamentos e equipe própria. A Jornada teve início há cerca de 3 anos com a concepção das primeiras ideias, argumentos, finalização, argumentos e definição dos primeiros roteiros.Tempo recorde para quem antes só via o cinema do outro lado do telão, hoje almejasse tê-lo como o principal plano de carreira.

Para Adriana, mãe do rapaz, a experiência desta jornada despertou um algo a mais. Ousadia, e coragem, ela diria sem revelar muitos detalhes do longa, que tem 1h 50 de duração. “Foi preciso criatividade para entreter este público alvo dentro da mensagem principal do filme. Um verdadeiro desafio profissional e de muita maturidade para um garoto de apenas 14 anos, idade do João quando tudo começou”, resumiu a empresária. Mas o público em geral ainda terá que aguardar um pouco mais para assistir A Jornada nos telões. É que a van Premier acontecerá apenas para um grupo de convidados entre profissionais da área, familiares, críticos e para a imprensa.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo