Internacional

Incêndio ‘engole’ prédio de 14 andares, deixando mortos e feridos na Espanha

Presidente da Espanha vai ao local

Uma tragédia tomou conta da cidade de Valência, na Espanha: bombeiros intensificaram os esforços para localizar 14 pessoas que podem ter sido vítimas do incêndio que assolou um edifício. O fogo começou na noite desta quinta-feira (22/2).

 

Até o momento, o incidente já resultou em quatro mortes e dezenas de feridos, conforme comunicado pela delegada do Governo, Pilar Bernabé, com base em informações da Polícia Nacional. Bernabé alertou que o número de vítimas pode variar nas próximas horas.

A obra de resgate concentra-se na identificação das vítimas e na busca por possíveis sobreviventes. Profissionais estão avaliando a estrutura do prédio totalmente consumido pelas chamas, visando garantir a segurança antes de uma entrada mais detalhada.

 

A Câmara Municipal de Valência autorizou que prédios públicos e hotéis fornecessem assistência emergencial a mais de 400 residentes, contando com o apoio de psicólogos para lidar com a situação emocionalmente desafiadora.

A prefeita de Valência, María José Català, garantiu que todos os recursos necessários estão disponíveis para atender às necessidades das famílias afetadas.

 

Presidente da Espanha vai ao local

A identificação das quatro vítimas que perderam a vida e dos 14 desalojados, alguns estrangeiros, está sendo dificultada pela falta de informações claras, o que gera grande incerteza. O presidente da Espanha, Pedro Sánchez, deve chegar a Valência nas próximas horas.

Fontes da equipe de bombeiros expressam dúvidas quanto à possibilidade de acessar o edifício antes de domingo (25/2). Em meio à tragédia, todas as atividades oficiais foram suspensas em Valência.

Os serviços médicos de emergência prestaram atendimento a 15 pessoas, incluindo sete bombeiros. Doze foram transferidas para hospitais locais, enquanto três receberam alta. Seis pessoas permanecem internadas.

A prefeita destacou a preocupação em fornecer não apenas abrigo e cuidados imediatos às famílias, mas também buscar soluções a longo prazo para aqueles que perderam tudo em meio ao desastre.

A Polícia Científica está preparada para iniciar a investigação, que inclui identificar as vítimas e analisar as causas do incêndio. Bombeiros e membros da Unidade de Emergência Militar continuam os esforços de busca por vítimas.

 

Metrópoles DF

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo