DestaquePolítica

PRF, PM e PC do Amapá prendem o líder da facção FTA (Família Terror do Amapá) no Complexo da Maré BNRJ

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), O Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) e a Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas do Amapá (DRACO), cumpriram nesta quinta-feira, dia 14, quatro mandados de prisão de homicídio para um mesmo indivíduo. O homem de vulgo “Imperador” é considerado o maior assassino da história do Amapá.

A prisão aconteceu no município do Rio de Janeiro, mais precisamente na Vila do João, Complexo da Maré, onde o procurado pela justiça estava escondido. Na ação conjunta, as forças policiais cumpriram quatro mandados de prisão por homicídio em desfavor do vulgo “imperador”, líder da facção FTA (Família Terror do Amapá).

Essa ação conjunta contou com um grande quantitativo policial, além de blindados para garantir a segurança dos policiais e de moradores. Os PRFs que atuaram na operação integram a operação Égide, que tem como principal objetivo o combate ao roubo de cargas, veículos e coletivos e também ao tráfico de drogas e armas nas rodovias federais fluminenses.

O preso foi encaminhado para a Polícia Judiciária.

Artigos relacionados

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
Botão Voltar ao topo